Populares

Escrito por: Rodrigo Moreira setembro 04, 2012


Londres, 1910. Belle, de 15 anos, viveu em um bordel em Seven Dials por toda sua vida, sem saber o que acontecia nos quartos do andar de cima. Mas sua inocência é estilhaçada quando vê o assassinato de uma das garotas e, depois, pega das ruas pelo assassino para ser vendida em Paris. Sem poder ser dona de seu próprio destino, Belle é forçada a cruzar o mundo até a sensual Nova Orleans onde ela atinge a maioridade e aprende a aproveitar a vida como cortesã. A saudade de casa — e o conhecimento de que seu status como garota de ouro não durará muito — a leva a sair de sua gaiola de ouro. Mas Belle percebe que escapar é mais difícil do que imaginou, pois sua vida inclui homens desesperados que imploram por sua atenção. Espirituosa e cheia de desenvoltura, ela tem uma longa e perigosa jornada pela frente. A coragem será suficiente para sustentá-la? Ela poderá voltar para sua família e amigos e encontrar uma chance para a felicidade? 


Livro: Belle
Autora: Lesley Pearse
Editora: Novo Conceito
Páginas: 560
Classificação: ★★★★★ (5/5)


Eu queria tanto soltar tudo sobre o livro de uma só vez, para falar o que eu senti em cada parte do livro, em cada capitulo, em cada trecho. Belle me fez sentir tão bem e me trouxe tantos sentimentos e isso não foi em uma parte ou outra, foi no livro todo. Lesley Pearse escreveu um romance tão forte, marcante, surpreendente e comovente, que mesmo tentando ao máximo eu não conseguia transmitir por meio dessa resenha o que essa obra me passou.


Belle sorriu porque sabia que seu longo e encaracolado cabelo era o que tinha de melhor. A maioria das pessoas pensava que ela deveria cacheá-lo à noite e colocar óleo para que ficasse brilhante, mas ele era naturalmente assim -- tudo o que ela fazia era escová-lo. Seus olhos azuis, tinha herdado de Annie, mas Belle imaginava que tinha de agradecer ao pai por seu cabelo e a sua mãe apenas pelo brilho que ele tinha. Pág. 13

O livro se passa no ano 1910, em Londres. Tudo começa quando Belle conhece Jimmy, ele foi um tanto indelicado com ela, chamando ela de prostituta por ela morar em um bordel, mas Belle era filha de Annie, a proprietária do bordel, e ela não sabia de praticamente nada o que acontecia lá, Annie e Mog, uma empregada e quase-mãe de Belle, prezavam pela inocência da menina e não queriam que ela soubesse disso. Mas tudo muda quando Belle adormece no quarto de Millie, a prostituta mais desejada da casa de Annie, e quando percebe já passou da hora dela ir dormir, mas quando vê Millie chegando com um cliente ela fica com medo e esconde debaixo cama. Ela presencia uma cena que a deixa horrorizada Kent faz sexo com Millie e depois a assassina por ela não aceitar fugir para morar com ele. Belle testemunha tudo isso, antes que Kent a impede ela sai do quarto e corre para sua mãe e Mog contando tudo o que aconteceu lá.

Annie fala para Belle mentir e dizer para a policia que não presenciou nada, falando que estava dormindo no seu quarto. Mas no dia do velório de Millie, Kent a sequestra e leva para ser vendida para um bordel da França em uma tentativa de silenciá-la. 


Belle ouviu uma carruagem atrás dela quando se aproximava de Jake's Court, mas nem sequer virou a cabeça, já que era um som comum. De repente, no entanto, ela sentiu que alguém lhe deu uma rasteira e a agarrou por trás. Seus braços foram agarrados bem apertados e torcidos para trás, ao mesmo tempo em que uma mão deu um tapa em sua boca para silenciá-la. Ela lutava e tentava chutar, mas o agressor era muito maior e mais forte do que ela, e Belle foi carregada para dentro da carruagem que agora estava ocupando a rua estreira. Pág. 63

Nesse bordel, Belle é estuprada várias vezes por homens de diferentes tipos que a Madame Sondheim levava. Mas Belle é passada para outra pessoa quando ela fica bastante doente e é cuidada por Lisette, uma ex-prostituta que exerce a função de enfermeira. Depois disso, é levada, para New Orleans na América, por Etienne, um homem que trabalha uma máfia da Europa. Ele já foi um grande ladrão, roubando peças valiosas pedidas por seu chefe, mas Etienne cansou dessa vida, ele só quer ficar em casa com sua esposa e seus filhos. Quando Etienne é mandado levar Belle para New Orleans e entregar para um novo bordel o qual Belle. Na viagem, Etienne e Belle se conhecem melhor e ficam amigos, ela se vê apaixonada por Etienne, ele é aquele homem que ela queria fazer amor e não sexo, não queria fazer por dinheiro, queria fazer por amor, mas ela percebe que Etienne ama sua esposa e não terá nada entre eles a não ser amizade.

Quando chegam na América, Etienne mostra Nova York para Belle e leva ela para lugares que ela sempre sonhou em ir. Mas chegada a hora de levar ela para o bordel de Martha, ele diz para Martha que Belle é especial e que precisa ser tratada assim, conta como foi a vida de Belle e Martha parece se sensibilizar pela história de vida de Belle, mas só parece. 


    Farei tudo o que puder -  Jimmy disse, fixando seus olhos escuros em Noah.     Você me deixará saber o que está acontecendo, não vai? Não vou conseguir dormir até saber que Belle está segura.    Você gosta dela     Noah disse provocando, esperando aliviar a situação.    Gosto     Jimmy disse com sinceridade atordoante.     Ela é a mais encantadora e linda garota que já conheci. Não descansarei até que esteja segura novamente. Pág. 83

Lesley escreveu o livro tão bem que as mesmas coisas que a Belle sentia, eu sentia. O jeito como ela descrevia tudo o que acontecia era de um jeito tão emocionante e simples que você se sentia no lugar de Belle nas cenas mais fortes do livro. Como na parte da 'primeira vez' de Belle, eu me senti tão nervoso quanto ela, eu sentia a tensão dela. Na parte do sequestro de Belle, eu sentia um aperto tão grande no coração, eu fiquei com tanto medo por ela, minhas mãos tremia e os gritos de Belle ficavam presos na minha garganta.

Eu achei muito óbvio quem seria o par romântico dela, isso fica óbvio desde o primeiro capitulo e me deixou um pouco chateado. Eu ainda tinha esperanças que ainda tivesse uma reviravolta e mudasse o futuro do coração dela porque eu gosto de quando tem aqueles mistérios de quem vai ficar com a protagonista, quando dois caras estão apaixonados nela e ela tem que escolher. Mas o amor do Jimmy teve uma grande parte no livro, ele e seu incansável desejo de encontrar Belle para que ela volte para seus braços e sejam felizes.


    Pessoas respeitáveis, frequentadoras de igreja, parecem não perceber que fomos feitos para gostar de sexo. Não serve apenas para fazer bebês, querida. Amar uns aos outros no sentido físico faz bem para todos nós, é a cola que mantém um casamento em pé e torna-o feliz. Se as esposas dos homens que atendemos aqui aprendessem a gostar de trepar, não haveria a necessidade de existirem casas como a minha. Pág. 214


Uma coisa que eu sempre pensei enquanto lia o livro foi: Nossa, finalmente tudo vai dar certo, ela está feliz e o mundo vai ser um lugar melhor. (Sabe aqueles pensamentos que você tem para que tudo dê certo para sua personagem favorita? Pois é). Mas a autora sempre conseguia colocar o livro de ponta a cabeça e nos deixar ainda mais anciosos para saber o que vai acontecer com Belle.

Belle também teve suas partes engraçadas, o livro mostrou um lado da vida das prostitutas que nunca imaginavamos (eu pelo menos nunca pensei como seria), ele mostrou que elas tem uma vida normal que quando não estão no seu trabalho, estão conversando, contando como foi suas noites, fazendo piadas e vivendo sua vida como qualquer um. O livro deixou claro o preconceito com as prostitutas, que mesmo agora 100 anos depois o preconceito é o mesmo. Lesley mudou meu pensamento e minha opinião sobre isso, depois de ler o livro eu tive uma opinião completamente diferente sobre tudo que é retratado no livro.


Belle mal conseguia acreditar no que estava vendo, pois estava claro que eram as garotas que estavam no controle, não o homem. Polly se esforçava para não rir, mas, ao mesmo tempo, ela o acariciava e mexia o quadril para tornar aquele momento o mais erótico possível, para que ele ejaculasse depressa. Pág. 212

Belle não é só um romance histórico qualquer, é uma obra-prima que prende nossa atenção e nos deixa escravo dessa leitura.


O livro é uma trilogia, foi lançado 2 dos seus livros lá fora e 1 aqui no Brasil.

1- Belle
2- The Promise
3- Sem Titulo ainda






Book Trailer

{ 17 comentários ... leia abaixo ou comente }

  1. Estou querendo muito ler esse livro, já li várias resenhas positivas, o que me deixou ainda mais curiosa para ler.
    Esse começo do livro, da menina viver em um bordel, me lembrou a filme Pretty Baby - Menina bonita.
    Parabéns pela resenha
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  2. Adorei a resenha e o livro parece ser ótimo.
    Parabéns pelo blog!
    Let It Shine

    ResponderExcluir
  3. ah esse é um dos livros que eu quero ler, mas estou sem tempo sabe e sem grana, mas se eu pudesse o teria comprado.
    vejo varias pessoas falando bem dele que me da super votnade de ler.

    ResponderExcluir
  4. Já to curiosa pra ler.
    Me segue de volta?
    http://matheusmeucoracao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu tenho curiosidade de ler esse livro mas com tantas páginas e pouco tempo de leitura, devo terminar em dois meses!rsrs
    Sua resenha ficou ótima!
    Beijos
    Amanda
    leiturahot.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Oi! Esse livro parece ser forte mesmo! Não sabia que havia continuação...

    Beijos
    Lendo de Tudo

    ResponderExcluir
  7. Estou com ele em mãos \o/,e depois da sua resenha acho que vou ler o mais rápido possível,rsrrs!Adorei a resenha,e sempre acompanho o blog.Beijos!

    http://livrosobaluzdalua.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Eu já estava com muita vontade de ler esse livro, com sua resenha então é quase impossível essa vontade não aumentar. Esse livro parece ser tão intenso e essa temática de alguma forma me conquistou. Eu adoro praticamente tudo relacionado a Londres antiga e acho que adoraria ler pelo menso o comecinho dessa história. Fora que Belle tem o nome da personagem que mais marcou minha infância e ela parece ser corajoso ao enfrentar tudo o que a vida reserva pra ela. Além disso, a Novo Conceito caprichou bastante nessa capa, embora a estrangeira também seja bonita, a capa brasileira tem um toque de mistério que faz a gente querer ler.

    ResponderExcluir
  9. Primeiro: morria e não sabia que era parte de uma trilogia!
    Enfim, você não é a primeiro que diz que esse livro é maravilhoso, inclusive já o coloquei como uma leitura próxima. :)

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  10. 5 estrelas, entao é bom mesmo!
    quero muito ler esse livro, tenho ele, agora só falta é tempo.
    a capa nacional é mais bonita.

    veja a minha ultima resenha, super recomendo esse livro

    http://www.lostgirlygirl.com/2012/09/resenha-91-agridoce-de-simone-o-marques.html

    bjos

    ResponderExcluir
  11. Ai, acho a capa brasileira mais bonita que as outras. *-* Adorei a resenha! Eu quero muito este livro!

    Beijocas
    http://foolishhappy.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Ei, não é a primeira resenha que vejo sobre essa profundidade de Belle, essa capacidade que a autora teve de fazer aflorar sentimentos. Estou morrendo de curiosidade de ler.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  13. Meu assim como você sentiu tudo muito a flor da pele eu tbm senti, se tornou meu favorito e poucas páginas, sou suspeita em falar de livro com essa temática eu simplesmente amo *-*
    E não sabia que era uma trilogia, pelo menos o livro não deixou a entender. Bom, se realmente for uma trilogia quem seja bem vindo hahaha.
    Beijos
    Bruna-Livros de Cabeceira

    ResponderExcluir
  14. Ah Rodrigo, adorei a resenha cara.... n pensava em lê esse livro, mas me comovi com sua resenha.. to com super dó da Belle por saber q ela foi estuprada inumeras vezes e ainda por cima levada para a prostituição por um homem q parece q ela começa a amar! Amei os quotes q vc usou.. a disposição da duas capas quase formando um rosto, e o principal, me deixou com vontade de lê o livro! ;DD

    Nossa, foi Super 10!!!! Volto mais vezes ok ;DDDD Amei o blog!!!

    bjokasssss

    http://sonhosliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Eu ainda não tive a oportunidade de ler Belle, mas já sabia que seria maravilhoso, pois a Lesley é simplesmente fantástica. Ela consegue escrever de uma maneira única que faz com que vc sinta tudo o que o personagem do livro sente. Senti isso quando li Roubada, tbm da Lesley, e passei pela mesma situação que vc, sem saber como transmitir através da resenha o que eu senti lendo o livro.

    Um beijo!

    www.perdidasnabiblioteca.com

    ResponderExcluir
  16. Rodrigo, eu adorei este livro, principalmente porque a personagem apesar de todo o sofrimento, tem esperança na vida e nos transmite uma vontade de lutar por nossos sonhos.
    Só não sabia que era uma série, pensei ser um livro único, já que tem um final, não sei se gostei disso, estou meio chateada de tudo virar séries agora.
    Abraços,
    Gisela
    @lerparadivertir
    LerparaDiverir

    ResponderExcluir
  17. Primeiro de tudo, o que é essa capa brasileira? A mais linda em tempos. Segundo, eu não fazia a mínima que se tratava de uma trilogia :O comprei o livro no dia da estréia de Amanhecer pt 2 juntamente com mais outros 3 que estão na pilha para serem lidos. Estou relendo a hospedeira mas terminando hoje já pego ele pra começar o que me parece ser uma viagem incrível. Eu não havia lido resenhas sobre ele até comprá-lo, meu interesse aumentou demais depois dessa aqui.

    ResponderExcluir

- Copyright © Roubando Livros - Date A Live - Powered by Blogger - Template Base por Johanes Djogan -